Apresentação

Bem vindo ao meu blog.Aqui serão lidos meus pensamentos e sentimentos decodificados em palavras, então, será um blog íntimo e profundo! A todos uma boa viagem por dentro de meu ser!

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Eu Chuva


A cidade me engole
Devora o que há de bom em mim...
Sou um ser asfáltico
Os poetas estão escondidos...Poderão ser exterminados
Pelos corvos do cimento
O caos da metrópole se extende
por dentro das minhas ruas internas
As vias da minha compreensão
Estão congestionadas pela inquietude e pelo medo
O verde da inocência está submerso no lodo fétido
de um egoísmo banal que escorre das calçadas da mentira
E a dança de máscaras
Espera um novo anoitecer
As janelas dos edifícios são olhos de pássaros engaiolados
a espiarem a minha liberdade!
Mas eles não sabem que meus vôos são rasos
E no meu silêncio esquálido
Observo a chuva ácida que corrói meus extenuantes sentimentos
E deságuo...Nuvens de cores de dissolvendo em lágrimas
Cada gota é como um lamento, uma dor...
Curiosa paleta se forma com as nuâncias de um cinza apocalíptico
Escorro pelos bueiros, ruas, buracos e esgotos da vida, das mentes...
E me dissolvendo eu sempre chego mais perto ao meu único destino
Onde eu sempre renasço,
O mar...
Meu mar de luz de algum lugar do meu infinito!

Salavdor , 06 de maio de 2009

Sem comentários:

Enviar um comentário